2010/10/09

Time that is intolerant
Of the brave and the innocent,
And indifferent in a week
To a beautiful physique,
Worships language and forgives
Everyone by whom it lives;
Pardons cowardice, conceit
Lays its honours at their feet

W. H. AUDEN, U.K.
in "In Memory of W. B. Yeats", 1939
(posted by cyberiticus.blogspot.com)



O tempo que não tolera
Os bravos e os inocentes,
E numa semana se desinteressa
De um físico atraente,
Venera a linguagem e perdoa
A todos os que ela segue;
Perdoa a cobardia, e a vaidade
Lança-lhes honras aos pés.

3 comments:

cyberiticus said...

Obrigado Helena pelo teu comentario e tradução do Auden. Lanço-te um desafio: como traduzirias a primeira frase da Recherche, "Longtemps je me suis couché de bonne heure." Acho que o Pedro Tamen não acertou... Bernardo

Luiz de Carvalho said...
This comment has been removed by the author.
Luiz de Carvalho said...

Mario Quintana traduziu destarte: "Durante muito tempo, costumava deitar-me cedo"