2008/05/22

«Os negros sul-africanos não matam os imigrantes moçambicanos e zimbabueanos por distantes sentimentos de isolamento incutidos pelo Apartheid. Os negros sul-africanos matam os negros moçambicanos e zimbabueanos por motivos mais prosaicos. Acham que estes ficam com as suas casas e usurpam os seus empregos. Por fim, resta dizer que, comparada com a brutalidade dos ataques na África do Sul, a xenofobia europeia, que se disfarça com discursos, que se artilha de argumentos, que usa botões de punho, que muitas vezes tem representação parlamentar, que mói, mas raramente mata, parece aceitável, quase inócua. Não é.»

in http://www.ana-de-amsterdam.blogspot.com/
20.05.2008

1 comment:

fheleno said...

Olá,
Desde que o Muro de Berlim caíu as esperanças de um mundo melhor, então criadas, estão a murchar.
O Homem é igual em todos lados. Quando tem um pingo de civilização usa a hipocrisia em vez da violência directa.

Que bom que ainda tem tempo para tratar destes temas.
Eu estou enterrado em trabalho e só leio Os Maias uma vez por ano (o enredo e o estilo são para mim estimulantes) e um ou dois livros nas férias.
Pedia-lhe o favor de permitir divulgar no seu blog este pedido:

Aos tradutores técnicos que estejam familiarizados com a localização de software e interessados em colaborar com a nossa empresa pedia-lhes para se inscreverem no nosso site:
Traduções Técnicas Multilingues
Um abraço e um bem haja

Fernando